Nascido em Sobradinho, mudou-se para Planaltina-GO ainda criança, onde o rap carioca e paulista estava em alta na quebrada. Na década de 90 depois de ter ganhado uma fita do Consciência Humana me identifiquei com o movimento hip hop. Daí veio várias influências do rap de Brasília na qual foi alimentando o conhecimento e o incentivo a fazer parte desse movimento, dessa cultura.

No colégio participante e atuante na dança Break, fazia várias apresentações em épocas festivas. De volta a Sobradinho em 2005, convidado a participar de um grupo de rap, começa a caminhada como
Rapper, mas por questões pessoais segui solo.

Começando a caminhada no rap cristão com o grupo A Sombra do
Onipotente (Daniel, Rogério). Por motivos pessoais Rogério sai, então
para adaptar ao solo o nome mudou para O Emissário.